et voila

jeudi, avril 06, 2006

O meu quartinho

Há umas coisinhas sobre as quais ainda queria falar antes de abandonar a minha participação neste blog; coisas importantes para vocês puderem fazer a tal "ideia geral" do que foi o meu Erasmus.
Claro que a descrição do meu quarto está entre elas, foi o sítio onde vivi durante quase 7 meses! Antes de mais, passamos a designá-lo studio porque é isso que ele é e fazemos o enquadramento: estávamos numa residência de estudantes mas onde infelizmente havia zero ambiente de estudantes. Muitos japoneses, muitos polacos, poucas foram as pessoas com quem conversámos mais do que bom-dia/boa-tarde. Foi pena. Subamos ao primeiro andar...
O meu studio ficava num corredor que dava para um pequeno jardim interior e do outro lado para a rua. nº2o! Entremos...
À esquerda ficava a porta da casa de banho e a mini-cozinha decorada com rótulos de garrafas de alguns jantares mais memoráveis; em frente a porta do quarto com o cartaz que as minhas companheiras me fizeram quando eu cheguei a esta aventura: "Bem-vinda Santos". Já no quarto, quarto, tinha dum lado um armário e do outro três janelas seguidas. A disposição dos restantes móveis (cama, secretária, mesa e cadeira) foi variando conforme a altura do ano, o numero de visitantes e a ocasião. Isto porque se transformava ora numa sala de estudo, ora num quarto duplo ora num quase salão de festas! Para a decoração e seguindo as frequentes tendências de...Erasmus tinha, os postais que algumas pessoas me deram antes de ir, um mapa de Paris e "recuerditos" dos sítios que visitei e uma exposição de fotografias do Robert Doisneau intitulada "Hapiness".
Conseguiram fazer uma ideia? Desisto,vejam só as imagens!

lundi, avril 03, 2006

Allez dans la paix du Christ

O tempo da "ultima vez que..." chegou. Pelo menos "a última vez que...em Erasmus". Faço-me explicar: o ultimo sábado à noite em Erasmus já passou (e mais uma discoteca conhecida!), já subi pela última vez em Erasmus à Torre Eiffel, por aí adiante e agora a última vez que fui à missa de Domingo em Erasmus.
Fomos conhecendo várias paróquias, Saint-Germain des Près, Saint Séverin, a paróquia portuguesa de Gentilly, Sacré-Coeur, Notre-Dame de la Image Miraculeuse, Saint Ignace, Saint-Eustache mas a missa que considerávamos como "nossa" era a das 18h30 em Notre-Dame. Íamos quase sempre para o corredor lateral esquerdo, encontrávamos lá os nossos amigos mesmo sem combinar e já cantávamos as músicas. Foi lá que ouvi "allez dans la paix du Christ" em Erasmus, pela última vez...

Pensando...


Hoje, como cada primeiro Domingo do mês, os museus eram gratuitos. Desde que estou cá que tenho notado imensa diferença na forma como os franceses lidam com a cultura. A cultura é promovida, acessível a todos e todos aderem. Um dia grátis por mês, o Louvre grátis todas as sextas-feiras para menores de 26, espectáculos de música no meio das exposições, explicações das pinturas...as propostas são muitas!
Voltando ao dia de hoje, o museu escolhido foi o Museu Rodin. É giro porque as esculturas estão algumas num palacete antigo e outras espalhadas por um jardim. Escolho como preferidas: O Pensador, O Segredo, A mão de Deus e claro, O Beijo!

samedi, avril 01, 2006

No país das biclas

Ora parece que ainda ninguém falou da Holanda... vamos lá então!
A semana passada, como é do conhecimento geral, fomos (Diana Gala, Sarinha, Sara da Madeira, Duarte Graça e eu) passar lá uns dias...
O quartel general foi instalado no lar da Teresinha Ramos. Ela chamava-lhe quarto, nós optámos por mansão! Ficava num prédio antigo num dos melhores bairros residenciais de Utrecht e tinha uma sala graaande cheia de cores, com televisão, sofá, cadeirões e um quarto com uma cama no andar de cima e em baixo armários, lavatório etc... Um verdadeiro paraíso para quem regressava cansado de um dia de turismo.
Depois cada dia apanhávamos o comboio e iamos conhecer uma cidade nova. Haia com a sua sede de governo, o Tribunal Penal Internacional e a praia, Delft com uma faculdade conhecida, Amsterdão com os seus canais, coffee shops e museus e Roterdão com edíficios ditos arquitectonicamente importantes.
Ainda em Utrecht, passeamos de bicicleta (na Holanda,sê holandês!) conhecemos os amigos da Teresinha, encontrámos o João e o João da nossa faculdade e deixámos todas as fotografias que tirámos, pelo que não tenho para mostrar.

vendredi, mars 31, 2006

Agenda apertada

Isto não está nada fácil para escrever... desde que chegámos da Holanda as actividades têm sido muitas e portanto não me consigo concentrar.
Só para terem uma ideia, terça à noite fomos ver o Benfica e depois tomar um copo, ontem foi a altura da Edith Piaf nos pagar uma promessa e lá fomos as quatro mademoiselles jantar em plenos Champs Elysées seguida de saida para a lady's night da Queen´s, hoje chegou o meu irmão ( a última visita- depois porei um post sobre as visitas) e tivémos o jantar de anos da Sara da Madeira (PARABÉNS, PARABÉNS, hoje é o teu dia...) e de despedida da Mme Curie...
E eu a querer escrever sobre tudo e inspirada. C'est pas possible.
Espero que nos próximos dias possam ser brindados com muitos posts. Pelas coisas que ficaram por contar, pelas coisas que ainda quero contar... em jeito de balanço final porque a contagem decrescente já começou...e está-me a pressionar!

mercredi, mars 22, 2006

Mais uma voltinha!

O "Et Voila" e suas contribuintes deslocam-se mais uma vez para outro blog, outro país, conhecer outro Erasmus...
Agora em www.liveinutrecht.blogspot.com, Holanda, com a Teresinha!

mardi, mars 21, 2006


PARABÉNS SIS!
Pena não poder estar contigo hoje para momentos como este...

mardi, mars 14, 2006

Hopital du Kremlin-Bicetre, le 14 Mars 2006
Acabei o estagio!!!!! Acabei os estagios!!! Au revoir, au revoir, merci, merci, as criancinhas sao muito engracadas mas nao quando temos que fazer dossiers e examina-las todos os dias! A partir de agora dedico-me exclusivamente ao Erasmus!

Boa-noite Portugal!

Acabei de ouvir Jack Johnson ao vivo e foi lindo!
E pensam voces: mas como é que isso é possivel se ela está em Paris? Mas foi: durante uma parte do "It´s always better when we're together" estive em Lisboa, vi as luzes, cantei e vibrei com o Pavilhão Atlântico...e com todos os que estavam lá! Obrigada Filipinha!
Este é um post em que fico a espera que voces me contem mais...